RSS Feed

Monthly Archives: January 2011

ANIMAIS – Camelo e dromedário

 

Camelo

Os camelos e os dromedários são mamíferos (classe Mammalia), e pertencem à ordem Artiodactyla. Eles vivem no deserto. Podem passar até um mês sem beber água, mas, quando encontram água depois desse período, podem beber por vários minutos, vários litros. Os camelos têm duas corcovas, enquanto os dromedários têm só uma. A corcova serve como reserva de gordura, por isso eles podem passar vários dias sem comer. Eles têm uma pálpebra transparente além da pálpebra normal, para fecharem os olhos e protegê-los de tempestades de areia e enxergarem o caminho ao mesmo tempo. Os camelos e os dromedários aguentam longas caminhadas nos desertos.

Eles perdem muito peso nessas caminhadas, mas como se alimentaram muito e com

Dromedário

comidas bem saudáveis antes, têm comida suficiente para encher os reseratórios de gordura. Seu sangue também perde água, mais ou menos 40%. Mas ele não fica fraco. Ao contrário dos seres humanos, que se perderem bem menos que isso, podem até morrer.

A pelagem desses animais os protege contra o Sol forte do deserto. Eles possuem cascos, e dois dedos em cada pata. Eles são ruminantes, como as vacas e bois.

Sol: a imensa estrela que nos aquece

“O Sol é uma imensa bola de fogo.” Muitos acreditam nessa informação, porém, ela não está correta. O Sol, que é uma estrela, não possui um pingo de fogo. Ele é formado por hidrogênio, oxigênio, hélio, nitrogênio, carbono etc. O Sol é bem maior que a Terra, a sua massa é 333.000 vezes a do nosso planeta e o volume, 1.400.000 vezes. Já dá para ter uma ideia do seu tamanho. Em torno dele gravitam doze planetas – Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno, Plutão, Sedna, Éris e Ceres (é provável que haja outros não descobertos) -, cometas, asteroides, meteoros e satélites naturais e artificiais. A sua luz demora 8 minutos e 18 segundos, mais ou menos, para chegar à Terra. Apesar de o Sol ser enorme, possivelmente a maior estrela do sistema solar, não é a maior do universo. Existem outras estrelas extremamente maiores do que ele. A sua distância em relação à Terra é de aprox. 150 milhões de km.

As temperaturas da principal estrela do sistema solar (nome em homenagem a ela, tão importante ela é) são altíssimas, e diferentes dependendo do local. A superfície (fotosfera) possui uma temperatura de quase 6.000 graus, enquanto o núcleo é extremo: possui mais de 15 milhões de graus.

Nenhum ser vivo poderia habitar o Sol, pois não sobreviveria só de chegar perto dele.